domingo, 6 de março de 2011

Tempo, tempo, tempo...

Estamos em março meu velho. Daqui a 40 dias marca um ano de sua saída de cena. Olho pra trás e te vejo ali: sentadinho a pensar no futuro dos filhos, a estratejar a melhor maneira de trazer bem estar para todos. A sorrir e a cantar. A rir e a falar. Chorar. Calar.